top of page
  • Foto do escritorRosaine Rocha

O Princípio de MORDOMIA

O Princípio da Mordomia cristã tem um significado muito especial: devemos cuidar, administrar todas as coisas do Reino de Deus. Nos capítulos 1 e 2 de Gênesis, Deus forma o mundo e tudo o que há nele e entrega ao homem, para que este seja um bom mordomo, e zele por tudo.


Sendo bons mordomos saberemos administrar tudo o que nos foi confiado por Deus, desde a nossa mente, corpo, espírito, das palavras, até uma roupa ou algo mais simples.


Ensinamos as crianças que MORDOMIA é cuidar de tudo o que nos foi confiado. Eles, por exemplo, exercem este princípio cuidando de tudo o que é seu e também do que é dos outros, como brinquedos e materiais escolares, sem desperdícios e exageros. Aprendem a cuidar do ambiente onde estão: escola ou sala de aula, mantendo sempre a organização.


Muitas pessoas falam em deixar um planeta melhor para os filhos, mas poucos falam em deixar filhos melhores para o mundo. A educação por princípios visa ensinar as crianças a serem melhores em todas as áreas da sua vida, e assim, com certeza teremos um planeta melhor.


Este princípio gera, também, responsabilidade nas crianças, não só na escola, mas em casa, na rua ou por onde andarem.


Muitas vezes alguns pais não têm condições financeiras de dar coisas caras, mas o que as crianças recebem é o seu melhor, aplicando a MORDOMIA em sua vida, elas aprendem a cuidar com amor do que receberam, a serem servos fiéis desde pequenos.


Mateus 25:14-30 conta a parábola dos talentos, os servos que receberam o que o senhor lhes confiou, cuidaram, mas somente o bom servo multiplicou, foi um bom administrador dos talentos. E o seu senhor recompensou ao servo: Mt. 25:21 “Disse-lhe o senhor: Muito bem, servo bom e fiel; foste fiel no pouco, sobre o muito te colocarei;...” Quando entendemos que “sendo fiel no pouco, sobre o muito seremos colocados”, estaremos aptos a exercer o verdadeiro sentido do princípio de MORDOMIA.


Tornamo-nos bons mordomos sendo servos de Deus, amando e zelando por tudo o que Ele nos proporcionou, pois tudo o que temos não é nosso, mas do Senhor.



Professora Rosaine Rocha

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page