top of page
  • Foto do escritorViviane Soares

O Princípio de UNIÃO

A escola como formadora de futuros cidadãos deve buscar cada vez mais aprimorar os campos de conhecimento que permitam seus alunos se desenvolverem de maneira integral como sujeitos atuantes na sociedade.


No entanto, nós como escola Cristã temos o compromisso de formar em nossos alunos princípios imutáveis que norteiam a vida de qualquer ser humano, desde a mais tenra idade, com a compreensão de que a formação de cidadãos deve ir além do campo acadêmico e incluir também a formação de valores e princípios.


Um destes princípios desenvolvido na vida de nossos alunos é a União, é a partir deste ensinamento que conduzimos os alunos a vivermos em harmonia com respeito às diferenças, pois compreendemos que cada um foi criado à imagem e semelhança de Deus, como seres relacionais com características distintas, mas necessárias para a vida em sociedade.


Conforme a palavra de Deus, "mesmo sendo muitos, somos um só corpo em Cristo e membros uns dos outros” (Romanos 12:5), compreendemos que as diferenças são fundamentais para o crescimento e desenvolvimento de cada indivíduo.


Um grande exemplo para nós, em relação à necessidade que temos de nos relacionarmos com o próximo está no filme Náufrago (2000), onde o ator Tom Hanks cria um ser imaginário para que possa se relacionar.


É nas relações interpessoais que aprendemos a respeito da generosidade, aceitação, responsabilidade, valorização, solidariedade entre tantos outros valores. Contudo, nem sempre é fácil conviver com tanta diversidade, mas como diz em Eclesiastes 4.12 “Um homem sozinho pode ser vencido, mas dois conseguem defender-se. Um cordão de três dobras não se rompe com facilidade”, a bíblia é clara ao nos instruir sobre a necessidade de estarmos unidos com Deus para que a unidade com o próximo seja saudável.


O princípio de união é a base para a criação de relacionamentos saudáveis e produtivos, ele é essencial para a criação de um senso de comunidade e pertencimento, assim como também nos ajuda a criar relações significativas e duradouras.


É mediante ao ensino deste princípio, que conduzimos os alunos a trabalharem juntos em prol de um objetivo comum, a serem cidadãos que sabem se relacionar com o outro na sua individualidade, tendo um olhar crítico sobre o mundo e principalmente onde aprendem a recusar as discriminações, a ser mais tolerantes, integrados, solidários, compreensivos e justos.


A grande riqueza no ensino deste princípio, reside em ver os alunos colocarem em prática diversas habilidades e competências, que se complementam. O princípio de União traz a compreensão de que somos seres relacionais, dependemos uns dos outros, e mesmo assim, decidimos internamente andarmos juntos por um propósito maior, apesar das diferenças.


Este é o propósito educacional ao ensinar o princípio da União, de trazer à mente dos alunos uma forma de pensar e agir, ou seja, um paradigma de vida que os conduzirá a aplicar estas verdades em suas vidas em qualquer situação, seja na esfera social, acadêmica, profissional e familiar.


Uma Educação Cristã por princípios é uma educação completa, que ensina ao aluno a ser protagonista da sua vida, atuante no meio em que vive levando fundamentos e verdades no seu coração que transformam suas ações e a maneira de pensar o mundo em que vive.



Professora Viviane Soares

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page